segunda-feira, maio 08, 2006

LG (Da série Um Dia de Fúria)



Comprei um condicionador de ar da LG, instalado, na loja LG de Porto Alegre. A escolha da loja se deu em razão da promessa de instalação imediata, enquanto a concorrente, que tinha preço melhor, só instalaria dali a três semanas. Mas a entrega atrasou...Tal fato já não me fez a mais feliz das consumidoras. O que ouvi do vendedor, ao reclamar, pois estava pagando um preço mais caro justamente porque a instalação seria imediata, foi que eu precisava 'ter um pouco de paciência'. Muito bem, paciência. Ok - desapego e aceitação, diria o budista. Por ocasião da instalação, o encarregado quebrou uma peça interna do aparelho. Solicitei a troca. Fui informada de que seria trocada apenas a peça danificada. Reiterei solicitação de troca do aparelho, argumentando que havia comprado um novo e não um consertado. Aí o rapaz me pediu pra falar com seu supervisor. O ogro engenheiro cujo nome não me recordo confirmou que deveria ser trocada apenas a parte danificada. Ante o meu protesto, pois havia comprado um aparelho novo ao qual eu não havia causado qualquer dano, dano este causado - involuntariamente, óbvio - pelo instalador que a Loja enviara, o nobre ogro engenheiro me mandou voltar a falar com o gentil cavalheiro arquiteto que já tinha vindo até minha casa após o primeiro contato, feito orçamento e vendido o produto. Ao ligar para esse moço pela décima vez, pois a esta altura já contávamos dois atrasos na entrega e outros probleminhas na agenda da Loja pra efetuar a instalação, e narrar o acontecido, ouvi a mesma coisa: tinha direito à troca da peça e que me desse por feliz. Como eu sou meio tança, mas pra burra também não sirvo, pedi o número da gerência, central, supervisão ou cousa equiparada. Então o ex-cavalheiro, agora transformado em ogro 2, me disse pra falar com a Silvania, no nº 51-39015050. Outra flor de gentileza, a tal Silvania. Uma graça, só faltou desligar o telefone na minha cara. Disse que não tinha como me adiantar em quanto tempo poderia me informar qual a providência que seria tomada. Então eu disse pra ela que ia ligar imediatamente para o nº do SAC da LG para pedir a troca ou remoção e cancelamento da compra. Santa Ingenuidade!!! No nº 0800-70754, depois de algumas tentativas frustradas e algum tempo ouvindo gravações do tipo 'nossas posições estão ocupadas', fui atendida pela gentil senhorita Ana Paula, ou talvez devesse dizer ex-senhorita Ana Paula - antes de ser transformada em robô falante pela 'política da empresa'. A mocinha repetia, a pobre, que o 'procedimento da empresa, senhora, é efetuar o conserto com a troca da peça em garantia'. Expliquei pra ela que não era o caso de garantia, pois a peça havia sido danificada pelo instalador da LG. Ela repetia que o procedimento da LG era a troca da peça, que apenas a peça estava garantida. Pedi para falar com a supervisão. Segundo a política da empresa, os consumidores não podem ter acesso à supervisão. Pedi um número de relações públicas da empresa, da direção, da fábrica, de alguém que tivesse cérebro, dentro da incrível estrutura da 'empresa'. Ela não podia me fornecer o número... Eu posso com uma coisa dessas? Sabem pra que serve o SAC da LG? Pra nada. Como, a esta altura do campeonato, eu já cuspia fogo pelas ventas e os queridos aqui da Loja de Porto Alegre viram que eu sabia que tinha direito ao que estava solicitando, resolveram atender o pedido. Obviamente que, em meio a essa confusão, eu já havia sustado o cheque, que não sou besta, para só pagá-los, se fosse o caso, após tudo estar instaladinho e funcionando. Porque se a LG só garante a troca de peças, ainda que eles mesmos destruam o produto que te venderam, eu não estava garantindo nem a integridade física do príncipe que veio me vender essa porcaria e se transformou em sapo, no dia seguinte. Quando tudo foi instalado como deveria, liguei para a Loja e avisei que havia sustado o cheque, que era só me enviar que trocaria. E esperei, esperei, esperei e nada. Nada. Tempos depois, liga um camarada que trabalha numa empresa de cobrança pra acertar as coisas. Simplesmente troquei o cheque. A Loja pagou 10% do valor total para os cobradores. Agora me diz, como pergunta Juliana: tem base tanta ineficiência?

imagem: Valter Elias

7 Comentários:

Anonymous Keiko disse...

Glau,

Eu não sinto falta disso! Aqui pelo menos o consumidor tem muitos direitos e na prática funciona bem. Tu deverias processá-los por propaganda enganosa. Dizem que é mais rápido que a concorrência, mas demora mais! Que horror isso! O tempo que tu perdeste tentando valer teus direitos! Tempo que poderias estar publicando aqui textos para a gente! :)

Beijos,
Keiko.

10/5/06 09:29  
Anonymous Anônimo disse...

E que foto espetacular essa!

:)
Beijo!
K.

10/5/06 09:30  
Anonymous Biba Retamozo disse...

PQP, eu já teria posto fogo na loja, na casa dos ogros, na loja e quem sabe até no próprio ar condicionado. Mas é bom ler coisas do gênero e saber que não sou a única Retamozo pancada.

10/5/06 10:31  
Anonymous Deri disse...

Glaucia, isso já aconteceu comigo! No meu caso foi uma geladeira que o entregador deixou escapar todo gás quando tranportava. A loja quis fazer o mesmo comigo e chegou até a mandar o técnico até a minha casa mas não aceitei o serviço de jeito algum e eles só trocaram a geladeira quando cancelei o pagamento do cartão de crédito. Foi mais fácil convencer a operadora do cartão do que eles! Bjos.

10/5/06 12:11  
Blogger Gláucia disse...

Keiko,
Acho que eu também não sentiria falta...

K.,
Eu amei essa foto, também. Amei. É lá do Olhares.

Biba,
Eu me sinto tão calminha com o teu comentário, não tens idéia. Praticamente uma mulher calma e fria. Risos.

Deri,
mas contigo capricharam, não é? Qual foi a loja? Foi aqui em Porto Alegre? Dá o serviço aí pra gente não cair em fria.

Sabe que por essas e outras eu acho bom concentrar o cartão de crédito com a conta - tudo vinculado ao mesmo banco. Assim vc se desgasta menos, porque fala com o seu gerente e ele toma as providências pra cancelar débito em cartão, sustar cheque, etc, pois há uma relação de confiança e pessoalidade. Pra ele, vc não é um estranho qualquer querendo dar o cambão na loja.

Um abraço e bocão. Tem que ter bocão pra tocar o trem, se não ele passa por cima.

10/5/06 14:59  
Blogger Tuca disse...

Carta-bomba para eles...

10/5/06 20:27  
Anonymous Anônimo disse...

Olá!

Não pensastes em nenhum momento procurar pelo PROCON? Não sei se adiantaria, mas ao menos era uma instituição que "na teoria" poderia-lhe ajudar.

29/10/08 10:14  

Postar um comentário

Voltar

free web stats eXTReMe Tracker

Apollofind Counter

referer referrer referers referrers http_referer